21 de ago de 2008

Rato, espião ou??

Trabalhava lá um menino que entendia tudo de computadores, de internet, etc e tal.
Bom garoto! Fazia o trabalho dele e, nos intervalos, vivia de conversa no msn, com várias meninas. Dizia que ele sabia como ter o msn aberto e ninguém encontrar. Mas, era o verdeiro "ligeirinho".. qualquer "aparição anormal" tocava em uma tecla e tudo sumia da tela. Era aprendiz de "jogadas sujas", pois tinha um programa que o ensinou como roubar senhas e endereços de msn de outras pessoas. E, brincava com elas até cansar e lhes devolver os dominios.
Eu sou chata. E sou capaz de falar se alguém ou causar danos a empresa onde estou. Não precisa ninguém me pedir para cuidar estas coisas.
Pensei: estava ele prejudicando a empresa? Por enquanto ele estava fazendo o trabalho dele com perfeição. E, todo mundo jurava "de pé junto" que nossa gerência sabia tudo o que acontecia dentro dos "nossos dominios", inclusive dentro de nossas gavetas, em cima de nossas mesas, nas conversas que tínhamos por telefone com alguém dentro ou fora da empresa. Logo, ou eles mereciam o que ele estava a fazer ou ele era um espião também e tinha as suas regalias... Naquela altura preferi deixar correr o tempo para ver os próximos passos dele.

Nenhum comentário: