18 de nov de 2010

Pegando carona

Hoje vou de carona com o Alexandre:

6 comentários:

Chica disse...

Lindo! um beijo,chica

Bordados e Retalhos disse...

Leci, adorei sua resposta no post da Tati do Pergunta em resposta ontem. Muito simples e inteligente. Disse tudo o que precisamos dizer aos pequenos quando nos fazem uma pergunta instigante ocmo o Bê fez pra mãe. Bjs

Tati Pastorello disse...

Leci, assino embaixo (literalmente) da Gi. Eu destaquei sua resposta, por que foi a melhor. E é como pretendo responder a ele, ainda não tive oportunidade, mas hoje à tarde terei.
Legal ver o festival, sabe a história destes gritos? Eu não tinha nascido, mas meu pai contou. A platéia não estava feliz, estava vaiando. Isso por que queriam que Geraldo Vandré ganhasse com seu "Para não dizer que não falei das flores". O grande público não tinha entendido que era uma canção de protesto. Tempo fértil! Saudades do que não vivi também. Tem lugar para mais uma nesta carona?
Beijos

Maria Célia disse...

Ei Leci
Esta música é maravilhosa, realmente o público do festival vaiou porque não entendeu o espírito da coisa.
Bjos

welze disse...

não conheço o Alexandre, mas se fosse vc, pegaria carona no voo do sabiá. A toalha era realmente maravilhosa. Imagina, para imobilizar uma criança, saudável, traquinas, bagunceira como eu era, não era pouca coisa não. Infelizmente, penso que ela não exista mais. beijos

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Oi Leci! Obrigado por essa música linda e pela citação.

Essa música é belíssima, né. Dos tempos do FIC na Globo...
e uma música dessas o povo vaiou, tamanho o nível da competição e participantes, porque era impossível escolher a melhor música.

Quem sabe o tempo da boa música volta! O Brasil já fez a melhor música do mundo e nada impede de voltar a fazer.

bjs e muito obrigado