29 de nov de 2010

Gosto ou não gosto????

Olha só, ainda não entendi direito. Nesta época do ano eu fico cá a pensar se gosto ou não gosto da festa do Natal, da festa do Ano Novo.
Gosto no que toca a limpar a casa, pintar a casa - fica tudo tão lindinho!
Amo espalhar enfeites, deixa a casa mais alegre! E a minha preferencia são as velas. Velas dão o significado de luz, chamar a luz, deixar a luz entrar, saudar a luz....
Gosto de comprar presentes, colocá-los nas embalagens coloridas.
Gosto da minha lista de "seres" que deveriam ganhar um mimo, pois é uma lista sem fim - mas, me deixa de mau humor não poder presentear a todos e.. assim, ter que restringir só à familia!
Gosto do tempo de festas. Gosto desta aura de vida que emana de todas as criaturas. - mas, é algo muito frágil esta aura, este tempo áureo - então eu passo a não gostar pq acaba logo ali....
Amo os abraços e beijos, o reencontro de familias que vivem distante...
Nós que estamos iniciando o verão, com tudo isso, saudamos a vida da nova estação, saudamos o nascimento da vida poética e profética em Jesus.
...................então vou redigir e tornar público e mandar cumprir esta lei: haverá, em cada incio de estação novo tempo de festa e alegria, saudando cada uma delas apropriadamente, e, que nossa lista de pessoas que queremos presentear seja dividida em quatro....

8 comentários:

Chica disse...

Eu gosto do Natal, mas não gosto do comérico em torno dela...Simplicidade,já! beijos,lindo dia,chica

Bordados e Retalhos disse...

Sabe Leci que depois desse seu texto fiquei refletindo com meus botões e penso igualzinhi. Ai també gosto e não gosto. Bjs

pensandoemfamilia disse...

Eu adoro o Natal, é um sentimento de pertencimento, pernência, familiar, mesmocom muitos dos meus já não estarem por esta esfera. Não gosto, como a Chica do comércio em torno.
Obrigada oeka visita no meu espaço no relato da querida Giovanna e seus comentários.
Volte sempre. É bem vinda.
bjs

MAQUIAGEM EH TUDO !!! disse...

Olhaaaa...Natal eh meio complicado neh...... Alegrias e tristezas sempre vêm a tona
Bjks em seu heart, Vanessa Ramos
www.vanenen.blogspot.com

Cris França disse...

Nada é somente bom ou ruim o natal, tem dois lados sim, eu não tenho mais meus pais, fico triste, mas espremo meus limões, para poder tomar minhas limonada, alegria ou tristeza, é a gente quem faz. bjs querida

Maria Célia disse...

Ei Leci
O que não gosto nesta época de natal é a obrigação que nos é imposta pela sociedade,pela mídia. Temos que ser bondosos, generosos, caridosos, dar e doar sem limites. Se não fizermos isto não temos espírito de natal, de fraternidade, de partilhar com quem tem menos do que nós.
E o restante do ano, nos outros onze meses, as pessoas também não precisam desta solidariedade?
É isto que me deixa estressada nesta época do ano.
Por isto, natal pra mim, são dois sentimentos opostos que temos que conviver.
Bjo

Nilce disse...

Ai Leci, tive que rir com o passeio com chuva. Lancharam no carro é?
Também gostaria tanto de poder dar pelo menos lembrancinhas a todos, mas acabo ficando só nos de casa mesmo.
Este ano acho que vou ficar só nas mães. A coisa apertou.

Bjs no coração!

Nilce

Lúcia Soares disse...

Leci, gosto do simbolismo da data, adoro o Aniversariante, mas não gosto do comércio exagerado, das comilanças, da "obrigação" dos encontros; da falsa eeuforia...
Bj