29 de set de 2008

Fofocando...

Sexta-feita, todo mundo de bem com a vida. Pelo menos, a síndrome característica das segundas-feiras, seria um pouco amena. Patrão marcou viagem. Ia dia 29 e estaria conosco dia 02 pela manhã. Pouco tempo. Mas, seria um alivio... Claro, conhecendo o que se passa com ele, por vezes entendemos os rompantes de mau-humor. Mas, saber que iríamos inciar a segunda um pouco mais leve, sem brigas, sem caras feias.. já era um alento. Segunda-feira: extra! extra! Noticia: avião não "alevantou" vôo? Não saiu? Não decolou? Sei lá. Só sabíamos que ele estava voltando! Imagina, se aconteceu algo com o dito avião ou a empresa aérea, com que cara ele ia chegar? Aí!!!!!!!!!!!!!!!! Me dá a minha fluoxetina! te empresto uma Sertralina (ou Cer?) se não tiveres nada por aí. Silêncio. Preparação. Tempo sujeito a chuvas e trovoadas!!!!!!!!!!! Chega ele - sorrisos, suave, calmo, ao mesmo tempo serelepe. Digo eu: acho que perdeu o vôo. Devia estar namorando. Diz a Liz: tomou banho... está perfumado... e olha os tênis xadrezinho, moderninho! E, ai, Liz, tás com "çumes" é:? hahahaha Sei lá o que foi. Mas que deve de ter sido bom, "havera" de ter sido! Que se repita, pelo amor de Deus! É essa a nossa oração!!!!!!!!!!!! Segunda-feira gostosura tchê!!!!!!!!!!!!!!!!!!

26 de set de 2008

Continuar análise?

Nem Freud explica... Mas, tem um que talvez explique: o Analista de Bagé. Eu disse que ia fazer uma análise do pq do "excesso de gostosura". Bom, ficaram bem lá atrás duas opções: -comer para armazenar para os dias seguintes, ou -ter que fazer regressão às vidas passadas para ver o que veio comigo... Já viram a poesia que me acompanhou durante a adolescência? Própria de adolescentes mesmo. Só que um pouquinho pior - uma adolescente, talvez com alguns "parafusos" a menos, ou a mais. Depende do analista. Foi a época em que eu era amiga de todo mundo. Meninas, meninos. Eu até "funcionava" como Santo Antônio. Talvez por complexo sem nexo. Vivia escondida por detrás de uma menina sem graça, movida a pão e doces.. hehehe - com alguma frases gravadas no subconsciente;-"até que ela é bonitinha!" - "pobrezinha, tenho pena dela, é a filha mais velha, não tivemos tempo de lhe dar muita atenção, pois logo veio o irmão." Tá bem, tá bem... vão dizer que a culpa é dos pais? Coitados! Tudo é culpa de pai e mãe! Será que eu não tinha uma amiga para conversar e eliminar as minhocas da cabeça? Faltou-me naquela época um pouco de brilho - hheehe "pó de arroz", roupas da época... hahaha mais correto: faltou brilho interior. Eu era sem graça mesmo! Não lembro toda a letra da canção, mas, "devia ter me apaixonado mais..." Bolas, é análise... mas não tô gostando... tô com vontade de pular algumas "pontes"... hehehe Posso? Diga aí, seu analista, posso passar o mate adiante? Deixa ver... fica o restante para uma outra oportunidade... acabou a hora, pois? Só ficam as conclusões: -comer para suprir o que não teria na semana seguinte -comer para suprir o bonitinha, coitadinha, o ser sem graça, o complexo sem nexo -ou fazer regressão às vidas passadas... Fim desta sessão. Não tô gostando.....

Ebaaaaaaaaaaa

Aprendi... uma coisa aprendi!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Dar o tal espaço entre estrofes!!!!!!!!! Agora não quero mais ajuda para isso!!!!!!!!!!!!!!!!!

25 de set de 2008

Help!!!!!!!!!!!!

Help-me!!!!!!!!! S.O.S!!!!!!!!!!!!!!!! SOCORRO!!!!!! "Me tirem daqui, me chamem mamãe, que eu quero sair!!!!!!!" Não brinco mais... PQP não consigo dar espaço entre uma etrofe e outra de uma poesia!!! Não consigo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Alguém me ensina? Como dizia a Raquelzinha:"Ajuda eu. Ajuda eu."

Alma Estranha.

CONFUSÃO (de Raul de Leoni )
Alma estranha esta que abrigo,
esta que o Acaso me deu,
tem tantas almas consigo
que eu nem sei bem quem sou eu.
Jamais na Vida consigo
ter de mim o que é só meu;
Para supremo castigo,
eu sou meu próprio Proteu.
De instante a instante, a me olhar,
sinto, num pesar profundo,
a alma a mudar... a mudar..
Parece que estão, assim,
todas as almas do Mundo,
lutando dentro de mim...
(esta foi a poesia que espelhou melhor minha adolescência.)

24 de set de 2008

Uso indevido

Não adianta te esconder! Sabemos quem és, onde estás.. pior, temos provas!!!!!
Foi um auê danado- a mulherada descobriu que alguém que não trabalha na mesma sala nossa, chega mais cedo e usa nossos computadores para buscar lá do seu algum documento ou foto para imprimir!!!!!!!!!
E, sabe como é.. mulher sentindo seu espaço invadido vai à caça e .. se deixar mata!!!!!!!!!!!!
Ora bolas, custava chegar aqui e pedir emprestada nossa máquina para fazer o que querias?
Pior - pânico: e se alguém altera algum arquivo de vital importancia, mesmo sem querer querendo?
Mamãe não te ensinou a pedir licença?
Processo nela!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

23 de set de 2008

Calmaria.. antecede tempestade?

Olhem só - 17 horas e 30 minutos. Rejane tá de férias. Simone e Marilaine foram na Policlinica, fazerem o exame periódico. A Lizete não veio - mal conseguia falar - gripe. O patrão? Não sabemos onde foi. Saiu. A Mon também não veio. Estamos aqui: Rosi, Bianca e eu... Tudo muito calmo. Tranquilo.
A figura do Gargamel? Bem, ele sempre tentava fazer alguma maldade com os smurfs quando eles estavam numa boa, tranquilos.
Acho que devo estar esperando algum Gargamel, pois a escolha foi inconsciente. Mas, "o melhor de bom" é que as maldades do Gargamel sempre acabavam em dores prá ele. hehehehe
Melhor ainda: hoje o controle remoto da televisão é meu. Pior é que tenho que ir na feirinha fazer as compras da semana. Melhor que lá não tem peixe. Pior que lá tem vegetais.

Peixe...

Existem coisas inexplicáveis. Coisas de outro mundo, que não há como entender ou compreender. Deve fazer parte daquela série "Arquivo X".
Imaginem: na minha familia sou a única que ama peixes e todos os frutos do mar... lá, dentro da água!
hahahaha... Tem explicação? Não. É realmente caso para o Arquivo X.
Uma vez por semana ainda posso comer peixe - mas peixe em postas, bem fritinho, ou bolinho de peixe assado. Exceção: gosto de bacalhau (não deve ser peixe...), gosto de carangueijo ou siri ou camarões (sem mistura -arroz com camarão, molho de camarão.. puts). Não insista. Não vai. É tudo mole, argh! Experimento. Para pagar meus pecados e pedir um lugarzinho no céu ou o direito de retornar melhor...
João, não te preocupas - vistes que algum peixe eu ainda como... hehehe - a mesma coisa deve ser a relação do João com creme de leite, requeijão, carne moida... ó coitado!

Bixo ou Bicho?

Minha mãe disse, no domingo, que tá na hora de cortar meu cabelo... hehehe...
Adoro mexer na terra. Passava muitos domingos cuidando do jardim - plantando, replantando, transplantando. Na segunda-feira, era triste olhar para minhas mãos. Custei, mas estou aprendendo a trabalhar de luvas, se no dia seguinte for dia de trabalho...
Gosto de frequentar uma academia, fazer exercícios, pois sei que ajudam, devido minha idade e ao trabalho que faço, assim como ajudam no processo de emagrecimento...
Gosto de pele bronzeada, preferindo, talvez por complexos, o bronzeamento artificial...
Adoro pés bem macios, cuidados, já que tenho muitos problemas nos meus. Adoro mãos macias, unhas das mãos pintadas...
Porém... caramba, minha gente! Como manter pés e mãos cuidados, para quem tem uma segunda jornada de trabalho? A gente nunca encontra tempo restante depois dos afazeres para procurar uma manicure. E, elas são sacanas: nenhuma tem perto da minha casa!
Cabelereira? puts... é só pegar o telefone e dispor de alguns "minutos"...
Bronzeamento? O lugar mais próximo de casa, me deixaria ausente tres vezes por semana mais ou menos uns 50 minutos...
Academia? Entre ir e vir prá casa, mais o tempo dos exercícios me deixaria ausente de casa mais ou menos quase duas horas...
Sou bicho preguiça mesmo. Melhor, acomodada. Melhor ainda: gosto de mordomias. Queria que tudo isto estivesse a alguns passos de minha casa.
Não é desculpa. É defesa.. hahaha.. os dinheirinhos não aplicados aqui são para as dores da coluna, renite, sinusite, bronquite, tendiniti.. hahahaha
Mas... embora o João ainda não tenha encontrado emprego, eu ainda não abri mãos dos meus cremes. Se depender de cremes, minha filha, tô feita! Vou ser jovem sempre!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

22 de set de 2008

Vocês lembram da minha voz??????

"Vocês lembram da minha voz? Continua a mesma! Mas os meus cabelos...!"
hahahaha
Quem lembra, quando, onde e pq desta foto?
Dá para comparar?
Era dezembro de 2005...

Apresentação III

Esta é a melhor irmã que eu tenho!!!!!!! hehehe
Ao lado dela, claro, meu cunhado preferido! hehehe
Que belo par, não é mesmo? São lindos, estes meus amados!
Eles também fazem parte do clube "como e não engordo".
Claro: eles correm, frequentam academia...
Vais dizer que está explicado pq eu não faço parte deste grupo? É pq não faço exercícios?
Não responda!!!!!!!!!!!!!!!! Eu bato!!!!!!!!!!!!!!!

Apresentação II

Este é o meu amado irmão , o melhor irmão que eu tenho, hahaha!
Tirar uma foto do Roque é um exercício por deveras dramático!
Ele faz parte daquela tribo que tem certeza de que a fotografia vai roubar-lhe a alma!
Também faz parte do time "come e não engorda". Tá bem, tá bem! O trabalho dele exige energia física - ele conserta e/ou constrói carrocerias de caminhões.
Claro, vais dizer que eu preciso é exercício??? - Cuidado com a resposta!!!!!!!!!!!

Apresentação I

Antes de continuar a fazer a análise do pq do meu acúmulo de gordurinhas, vou apresntar a familia.
Este é meu sobrinho lindo e minha cunhada.
Vinicius e Ilaine. A mulher é um gênio em crochê, tricô...
Os dois fazem parte da turma do "come e não engorda".
Hummm... Claro, ela não fica muito tempo parada e ele, como todo jovem, anda por aí a dar suas pedaladas...
Tá bem. Tá bem. Preciso, como eles, me movimentar!!!!!!!!!

Debaixo dos caracóis...

" Meu queridíssimo e amado genro, Cezar: sei que estás na França à trabalho e que aí vais ficar mais ou menos seis meses. Talvez mais. Sei que o João te explicou mil vezes como encontrar a forma para assar e como encontrar latas dos ditos... Só te digo uma coisa - se daí trouxeres a tal forma e as tais latas de caracóis, saio daqui do sul em uma viagem especial até Curitiba para junto poderes apreciar o paladar do bixo, viu??? Abraços, da SOGRA."

Onde está o Wanderlei Cardoso?

Wanderlei Cardoso, com todo respeito, não fui eu quem colocou teu nome em lugares estranhos! hahahahahaha Semana passada, João e a turma estavam analisando uma planta elétrica de uma residência. Lá pelas tantas, alguém começou a falar sobre o Wanderlei Cardoso. Ora raios! ou Ora pois! O João não encontrou o Wanderlei Cardoso nem na planta, nem na apostila, nem no livro.. Pior, teve que perguntar onde estava o Wanderlei Cardoso. Disse que foi uma risada só - Wanderlei Cardoso = W.C.

Aprendendo, de novo!

Nosso amigo Emerson avisou que havia aberto no Fragata um Centro Profissionalizante. Cursos ministrados por professores do CEFET. Iniciaria sobre o básico de eletricidade, autocad, informática. E, depois haveria curso para eletricista industrial. Quem sabe?
Era uma maneira diferente de tentar. Embora o João saiba tudo sobre isto, não sabe os termos usados aqui, a maneira como aqui é falado e manejado.
Pensei que ele não ia gostar da idéia. Mas, pelo visto, está adorando. É uma maneira de sair de casa, ouvir as pessoas, falar, entrar em contato com a nossa realidade, conhecer como são conduzidos aqui os "negócios"... hehehehe
Desejo que ele se "antene" e veja que é por aí que poderá encontrar um emprego ou poderá encontrar alguém que o indique para algum lugar.
As fotos são da inauguração do Centro Profissionalizante.

16 de set de 2008

Férias.

Ebaaaaaaaaa!!!!!!! Em julho tirei 18 dias de férias. Agora vou tirar cinco dias.
Frio... Hummm... que será que vou fazer?
Mas, voltareiiiiiiii

Tareco e Flor.

João reclamou e com razão. Não apresentei a vcs os cães que ganhamos lá na terra do sol. A Flor já devia ter quase dois anos, pois já tivera seus primeiros filhotes. Uma cadelinha muito mimosa, dengosa, atenta. Devem ter colocado na rua quando ela estava prenha. Flor foi o nome que lhe deram quando foi recolhida da rua pelo pessoal da entidade fundada para estes fins: juntar e tentar colocar em novos lares. O Tareco tinha uns dois meses. O nome foi escolhido pelo João. Pequenino. Mal cuidado.
Lembro que eles chegaram até nós depois de duas entrevistas que fizemos com o pessoal da entidade. Fomos aprovados para sermos a nova familia deles e eles foram levados em uma noite lá para casa. Chegaram... meio desconfiados. Mas logo querendo entrar dentro de casa. O pessoal fez advertencia aos cães. Mas, nós fizemos questão que eles entrassem dentro da casa. Pois, eles só aprendem a cuidar e defender o espaço que eles conhecem. Imagina: aos poucos a casa enorme, o pátio enorme, foi motivo para muitas brincadeiras. Pior era o Tareco: não se podia deixar chinelos, sapatos, ao alcance dele. Era destruição na certa. Como ele era um cão um tanto fraco, teve que fazer tratamento para a sua pele. E, para o remédio fazer efeito, tinha que ser colocado e não deixar o cão se lamber. Para isto não acontecer, só mantendo o Tareco no colo. Bom... até hoje ele pensa que está em tratamento hahahahah adora um colo! Vieram conosco até o sul. Sofrem com o inverno. Quer dizer, o Tareco sofre com o inverno, sente frio mesmo. A Flor, infelizmente, devido a um acidente, já está no céu dos cachorrinhos.
E, notem ao lado na fotografia - ali tem um espaço onde a gente plantou alguns temperos. Claro, teve um que foi plantado e morreu rapidamente - pq? Hora, a aprendiz aqui "plantou" os galhos, deixando a raiz para cima!!!!!!!!!!! hahahahahahaha

Hoje pode?

Olhem que bela imagem! Fogo. Labaredas. Formando um desenho belo e indefinido.
Hoje, assim estou eu: é meu aniversário. Nova idade. Algo novo, indefinido. Passando dos cinquenta e alguns, mas ainda, em algum recanto, surgindo novas labaredas, formando novos e belos sonhos, gerando novo tipo de beleza..
Hehehe... Doutora Diana, se um dia leres, verás que inciei aqui uma análise para saber o pq do acúmulo de presentes indevidos que me dou e que geram "gordurinhas" indevidas e iniciativa minha de mudança de hábitos...
Mas, hoje é meu aniversário... Hoje pode? Um docinho? Uns docinhos? hehehehehehehe

15 de set de 2008

Falando em fadas...

Falando em bruxas e fadas. Que são bruxas? Que são fadas? Gostaria de voar no tempo e saber quem deu o significado para cada palavra destas. Fadas igual a bondosas e bonitas? Bruxas o mesmo que más e feias? Será vero? Ou alguém, em alguma época colocou estes significados seguindo parâmetros de alguma ordem política? Não seriam elas, independentes de nomes, mulheres com dons para a cura, com suas ervas, chás, ou impondo as mãos? Com o dom de apaziguar, acalmar, com palavras ou gestos? Num certo momento, por conveniência de algum poder, ninguém mais podia manifestar qualquer tipo de poder, muito menos mulheres, teria sido isso? E, as que se submeteram foram glorificadas, chamadas fadas, pintadas como bonitas... e, as outras, contrariando , continuaram a usar de seus poderes para curar, e com suas palavras levar o povo a não aceitar regras que lhes cortassem a liberdade? Pode ter sido isso mesmo...

Ora raios... pq do assunto? Pq lembrei que vivi lendo histórias de fadas e bruxas. Que alguém me impôs diferenças entgre elas. Mas, ninguém lembrou de me lembrar, ou de nos lembrar que: bondade, maldade, beleza ou feiúra.. são partes de todos nós. Basta alimentar um lado ou outro. Bondade, maldade... depende do lado de quem vê???????

Ainda Infância- II

Tem coisas da infância que a gente nunca deveria esquecer, mas esquece. Exemplo: eu não lembro o nome da professora que me apresentou à Biblioteca do Grupo Escolar. Mas, jamais vou esquecer o primeiro livro que levei para casa prá ler. Eu deveria estar no segundo ano, lá do antigo Primário. O livro era: "O Soldadinho de Chumbo.".
Foi minha iniciação. Até a quinta série, naveguei pelos sete mares, vivi entre os anjos, os sacis e as fadas, princesas, dragões, castelos, príncipes encantados... Tornei-me um rato de biblioteca... Que pena! Não sei qual foi a professora, mas, a ela minha criança interior agradece pelas dramatizações de textos, poesias. Imagina uam turma dramatizando esta poesia abaixo, de Manoel Bandeira. Lembro que, como conhecíamos os sons de um trem, foi bem fácil fazer, viver a poesia. Jamais vou esquecer:
"Café com pão
café com pão
café com pão
Virge Maria que foi isso maquinista?
Agora sim
Café com pão
Agora sim
Voa, fumaça
Corre, cerca
Aì seu foguista
Bota fogo
Na fornalha
Que eu presciso
Muita força
Muita força
Muita força.
Oô...
Menina bonita
Do vestido verde
Me dá tua boca
Pra matá minha sede
Oô...
Vou mimbora
Vou mimbora
Não gosto daqui
Nasci no sertão
Sou de Ouricuri
Oô...
Vou depressa
Vou correndo
Vou na toda
Que só levo
Pouca gente
Pouca gente
Pouca gente...

13 de set de 2008

Findi

Sábado. Depois de uma longa semana de chuvas e frio, finalmente o sol!!!!!!!!!!! Então, hoje compareceu a diarista: coloquei na rua cobertores, travesseiros, abri todas as janelas... Coloquei na rua as pulgas, os cães e... o dono dos cães também!!!!!!!!! Sai da frente. Hoje não sei em que horário vou dispensar a diarista!!!!!!!!!!! Beijos. Falta uma gravura especial para a ocasião. Mas, em casa eu não tenho. João implica que copiar estas coisas traz virus para o computador hehehe

12 de set de 2008

Para encerrar a semana...

"O segredo é não correr atrás das borboletas... É cuidar do jardim para que elas venham até você."
"Todos tem seu encanto: os santos e os corruptos.
Não há coisa na vida inteiramente má.
Tu dizes que a verdade produz frutos..
Já vistes as flores que a mentira dá?"
---------Mário Quintana ---------

Análise Infância...

Coisa linda e gostosa é a infância. A minha, melhor do que qualquer uma das crianças de hoje. Cidade pequena, a gente chegando da zona rural. Espaço. Campos para correr, árvores para subir, lugar para brincar de esconde-esconde, lugar para se esconder do pai e da mãe quando alguma travessura era feita. Amiguinhos reais (não virtuais), aos montes.. hehehe... construção de brinquedos com latas vazias de leite em pó, de óleo, cordas, panos velhos, madeiras velhas, caixas de papelão. Ruas quase que sem iluminação, mas crianças nelas até tarde, sem medo, sem neuras, aos cuidados dos anjos. Não havia calçamento, nem água nas residências, nem esgoto. Nos dias de chuva, como era bom empurrar o barril até a bica mais próxima para buscar água. Correr no barro. Fazer bonecos de barro. Levantar pela manhã com água dentro de casa. Era uma festa! Caçar sapos nas valetas, pensando que eram peixes... hahaha Bom, se eu contar como eram os banheiros qdo cá chegamos na cidade! Imagina, na nossa vila, existia uma casinha na rua, que chamávamos "Patente". Nela , tinha um acento feito de madeira e embaixo um cubo de madeira. E, ao lado, outro cubo para uso, se necessário.. hahaha e, pasmem, todas as semanas, uma vez por semana, passava o caminhão da prefeitura para retirar os cubos cheios e deixar outros vazios.. e lá ia xixi e merd.. caindo pelo pátio, pelas ruas.. hahahaha. Claro, as coisas foram mudando - mais casas, mais gente na vila, em vez de cubos, substituição por fossa.
Mas, não estou aqui para contar a evolução da cidade. E, sim, para contar sobre minha infância.
Ei, lembram? As bolinhas de gude! procurei a poesia que fala sobre elas: brancas, azuis, verdes, rajadinhas... Mas não encontrei. Não lembro quem era o poeta. E as bonecas feitas de pano?
Ora pois! Lindeza de infância! Mas, havia a pobreza, quer dizer, o comer contadinho, repartidinho entre todos para não faltar no dia seguinte... Lembro algo de interessante: quando o pai trabalhava no restaurante do irmão ele (meu pai era, é e sempre será um exímio assador ), a mãe ia aos domingos para lá ajudar. Nós íamos juntos. Bom.. não lembro do restante da familia, mas eu comia bastante... principalmente doces. Cocada. Rapadurinha de leite. Macarronada, pão, carne...
Agora vem a análise: posso dizer então que eu comia muito, no sentindo de armazenar para a semana seguinte? Hummm Acho que me enquadro aqui nesta análise. Ou teria que fazer regressão para saber pq eu era gordinha desde pequena? hahahahahahahahahahaha

Recordações & Análises..

Dizem que nós comemos para compensar alguma coisa que errada está em nossa vida.
Hummm... Por vezes concordo, outras não! Olha o caso do meu irmão: come, come.. e come! E é magro, o danado! Outro exemplo, bem ao meu lado: a Lizete. A danada come, come.. e come... e é magérrima! Claro, vais me dizer eles não comem doces. Aliás, nem gostam de doces. Mas, eles misturam tudo, na hora das refeições e fora delas: pão, massas, arroz, batata, frituras... E nem usam tabela de pontos. Nem pesam a quantidade de alimentos. Misturam tudo. Em uma mesma refeição!!!!!!!!!!! Então, eles comem para compensar alguma coisa errada mas não acumulam isto no organismo... Então, se eu como para compensar, que nem eles (pelo que eu vejo e analiso, todo mundo tem problemas), mas em mim os resultados são visíveis nas "gordurinhas" que se acumulam??????? Num vale! Isto é errado! Só eu pago "o pato"? Vamos tentar analisar só o meu caso.. e os outros... que continuem comendo, disfrutando do bom e do melhor ... e com muita dor de barriga! hahaha
já volto!!!!!!!!

Visitantes..

Por favor, seja vc humano ou extra-terrestre, sinalize sua visita! hahahah Deixe um recadinho, pô! Que maldade!!!!!!!!!!!!!

Deixe a preguiça de lado!!!!!!!!!!!!!!

Recordações

Leilão de Jardim
Quem me compra um jardim com flores?
Borboletas de muitas cores,
lavadeiras e passarinhos,
ovos verdes e azuis nos ninhos?
Quem me compra este caracol?
Quem me compra um raio de sol?
Um lagarto entre o juro e a era,
uma estátua da Primavera?
Quem me compra este formigueiro?
E este sapo, que é jardineiro?
E a cigarra e a sua canção?
E o grilinho dentro do chão?
(Este é o meu leilão.)
Cecilia Meireles

Dia Especial III

Aquele que é conhecido como Senhor, Alá, Criador, Força Superior, Deus... E outros tantos nomes que ora não recordo... A Ele, aquele abraço bem forte, um obrigada do fundo do coração, um beijo com muito carinho...
Estás pensando que estou "puxando brasa pro meu assado" junto ao Supremo? Talvez sim talvez não, depende da ótica... hehehe Mas, ao que move montanhas, ao que nos dá oportunidade de ir e voltar para purificar nosso Espírito, ao que nos dá a esperança de ressurreição em um novo mundo, agradecimentos efusivos por permitir o encontro destes dois aí, na foto... Mãe, Pai... sem eles eu não estaria aqui, agora... para a alegria de alguns, desespero de outros hahahahahahahaha

Dia Especial II

Sou feliz pq estou aqui, pq nasci. Sou feliz pq me foi dado tempo para percorrer este caminho. Sou feliz pq este caminho é aqui e agora.
Sou feliz pq neste caminho, o caminho do João encontrei.
Amo a vida. Amo o João!

Dia Especial

Há quem não goste do dia do seu aniversário. Eu amo o meu mês, o meu dia... Narcisista? Sei não! Se eu não amasse viver, como teria recebido em meu caminho tão belo presente como este que vês? Graças a este presente, aprendi muita coisa, despertei para muita coisa, vivi e ainda vou viver belos momentos. A presença dela em minha vida deixa claro que realmente eu devia aqui estar. Ela me fez crescer, acreditar mais ainda na força do Criador. Ela coloriu meus dias. E continua fazendo isso. Só peço perdão a ela por ter bagunçado o seu "eu", repetindo: seja homem, seja forte, já que teu pai não foi.... Amo a vida. Amo a Raquel.

11 de set de 2008

Sacanagem!!!!!!!!!!

Rosi, Rosi... isto é sacanagem! Fiz uma mudança de hábitos!!!!!!!!!!!!! Ou pelo menos iniciei. Já estava na lista de compras quilos e quilos de "ramos verdes" e tu vens proclamar: "Eu vou lá na lancheria buscar doces. Quem quer?"
ó céus! ó vida!!!!!!!!!!!
Quem resiste a tão meloso apelo?

Feras

Olhem este cãozinho e a pequena bagunça! Não é uma graça?
Pois nós temos tres "feras", todas SRD, mas vacinadinhos, bonitinhos... Inclusive tomam banho, viu? Uma noite de muito frio e chuvas, nós deixamos "as crianças" ficarem dentro de casa. Porta dos fundos aberta, para eles sairem quando necessário.
Levanto pela manhã. Ouvi barulho na sala. Aí!!! Estavam comendo ração, deitados em um cobertor que deixamos para eles... Além disso, tinha um charuto destruido - o João fuma - , um isqueiro mordido, duas almofadas desmanchadas.. e, meia cartela de comprimidos Diclofenaco Sódico vazia. hahaha... Deve ter havido uma festa imensa! E, eles tinham uma carinha de tão inocentes!!!!!!!!!!

10 de set de 2008

Mudança de hábitos.

Bom, em todas páginas aparecem soluções para emagrecer. O título sugere passe de mágica. Mas, se a gente abre a dita cuja, não há nada de mágico: é tortura mesmo!
Resolvi seguir a tal mudança de hábitos.
Comecei hoje.
Quando venho pós almoço para o trabalho, tenho que atravessar uma avenida. De hoje em diante, vou atravessá-la de um ponto mais distante daquele em que me deixava a um passo da empresa onde trabalho!
Pq? uaí! então, ao atravessar a avenida no lugar de costume, eu fico a um passo da empresa, mas... bem em frente ao "Schneider Lanches" - e a compulsão me leva direto ao estabelecimento - e escolher: quindim, negrinho, chocolates vários, rapadurinha de amendoim, rapadurinha de leite...
Humm.. vais dizer que não faz parte da mudança de hábitos alimentares? hahaha

Fugindo...

Lá pelas 11 da manhã... eu louca para ir no banheiro! Mas, para ir no banheiro, tenho que passar na frente da sala do chefe. Ele lá está. E eu fico com medo. E se eu passar lá e ele perguntar: E aí, tá pronto o balancete? E eu vou ter que responder pela terceira vez: não, ainda falta a folha de provisões 13° e férias, pois o programa da menina trancou... Aí, que agonia!
Lá sei pq estes programas tem que trancar logo nestas datas?
Enquanto espero, entro na minha lista de favoritos, para achar algo prá ler. Nesta lista tem coisas do chefe, é claro: Tam, Gol, Oceanair. Tem também as nossas: Secretaria da Fazenda do Estado, Receita Federal, Prefeitura, Bancos, Junta comerciasl, CRC.. e não pode faltar endereços onde encontrar poesias, cultivo de plantas de jardins, melhores receitas de bolos, massas, doces... e.... diversas páginas sobre - imaginem - COMO EMAGRECER . Já li e reli várias delas. Li hoje uma delas, que há dias eu não lia - sobre mudanças de hábitos alimentares. Aí!!!!!!!!! Que dificurdade!!!!!!!!!!!!!!!!
Ei, recebo agora a noticia que o programa das criaturas já está funcionando! Vou parar por aqui, antes que ele chegue e diga: E aí, Leci?????

9 de set de 2008

Cuidado!

Já tive a idéia de colocar na porta:
"CUIDADO! CÃOTABILIDADE!"
Principalmente quando o assunto é: onde encontro aquele papel referente aquele negócio lá pelos idos de 30, ou 80?

Papéis & Papéis...

Sei lá pq Contabilidade é sinônimo de arquivo de papéis. Todos os papéis referentes aos "atos e fatos" da empresa devem ir, de preferência, "per avion" prá Contabilidade. Mas, convenhamos: cá temos carteira de identidade, cpf, certidão de nascimento.. dos filhos do chefe!!!!!!!!!! Esta é para mostrar a importância de ser um pouco "depósito" de papéis: tinha eu na minha gaveta umas procurações. Nada a ver com a empresa. Dos filhos do chefe. hehehe Resolvi colocar em uma pasta e guardar no armário. Escrevi na pasta o que era. Avisei a Liz que se precisassem estariam ali guardadas. Não eram interessantes ou é coisa de idade mesmo? Só sei que apaguei da memória. Apagamos. Alguém precisou. Jurei, juramos, que conosco não estavam... mas ficou uma pulguinha atrás das "oreia" - se estavam na minha gaveta, isto eu tinha memória, para onde tinham ido? Não lembrava. Bom, enquanto os necessitados mandaram pedir novas cópias, eu fiquei com as "purgas" incomodando...
No final de uma semana, o grito de independência: já sei onde estão!!!!!!!!!!!!
Bolas, acho que vou começar a colar os papéis na parede para saber que estão por aqui. Quem sabe uns indicativos luminosos: papéis do chefe e familia, siga a flecha!!!!!!!!!!!

8 de set de 2008

Setembro!

Atençao! Atenção!!!!!!!!!!!! Hoje é dia 08 de setembro.! Faltam poucos dias para o dia 16!!!!!!!!!!!!!!!!! ebaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa Desde hoje eu começo a cantar:

"Hoje sinto que cresci bastante. Hoje sinto que sou muito grande.

Sinto mesmo que sou um gigante, do tamanho de um elefante..

É que hoje é meu aniversário, e qdo chega meu aniversário,

Eu me sinto bem maior, bem maior, bem maior do que eu era antes..."

Estás rindo? Claro que tive infancia!!!!!!!!!!!! Mas, gosto de libertar meu ser infantil... Ele é mais tranquilo, calmo, de bem com a vida! hehehe

Sanidade...

Minhas caixas de som estavam ligadas. As da Lizete, não. Então, eu comandava a orquestra diária.
Um dia, quando ela disse: aumenta o volume, esta música eu gosto!
Aí lembrei de fazer algo pela criatura. Preste atenção no diálogo a seguir:
_Queres que eu coloque na tua mesa uma das minhas caixas para ouvires melhor?
_Quero sim! Queres uma caixinha minha que não funciona?
_Quero! Passa para cá!!!
hahahahaha!!!!!!!!!!!!!!

5 de set de 2008

Que faço eu?

Dia 05 de outubro tenho o dever, aliás, principalmente, o direito de ir às urnas e eleger meu prefeito e vereador...
Sentar em frente à televisão e ver aquele desfile de gente estranha, estranhas frases e promessas, ou acusações intermináveis sem o apontamento da solução para o problema? E a solução, de onde deve partir? Para que serve o prefeito? Para que serve o vereador? Encontrarei alguém capacitado, depois que estas duas perguntas forem respondidas.. Então surge outra: bases e diretrizes do partido ao qual são filiados podem mudar depois a postura, o caminho do meu candidato?
Passamos o dia trabalhando, acumulando depois a jornada do trabalho em casa. Mesmo assim, hoje, nesta época, encontro alguém no caminho que aperta minha mão, me expõe suas idéias. E depois, onde vou te encontrar para a gente trocar idéias? Eu continuarei a trabalhar, dupla jornada... E tu, candidato, terás este tempo que hoje tens, de vir ao meu encontro, apertar minha mão, falar sobre o que tornamos melhor e onde podemos melhorar:????
Aí... Eu sou uma alienada!!!!!!!!!!!! Assim como milhões: passo para ti uma procuração, para agires na minha cidade, em meu nome. E depois esqueço teu nome, endereço e já nem lembro qual promessa cobrar de ti............. ..."inútir, a gente somos inúteis..."

4 de set de 2008

Gostar

"Tudo que eu gosto é imoral.. e engorda!"
hahahahahahahahahahaha

Espelho, espelho meu...

Ontem resolvi arrumar o roupeiro - quer dizer: trocar as coisas de lugar. Já que ele é muito grande e não posso movê-lo de um lado para outro, melhor é tirar toda a roupa lá de dentro e colocá-las de um lado para outro. Eta trabalhindo que era para ter sido para desestressar e acabou ao contrário!
Primeiro, nosso lindos e "delicados" cãezinhos - Tareco, Cigana e Piruças. Todos eles queriam atenção, brincadeiras, colo... E, pior: resolvi experimentar meu pretinho básico. Tão lindinho! Só usei uma vez na vida, lá em 2004, na formatura da Raquel. Isso é para sentir o quanto minha vida social é agitada!!!!!!! hahahahaha Pois, não é que o dito, por ter ficado guardado, encolheu???????? O raios do vestido entra até a cintura... dali prá baixo, ele encolheu... grrrrrrrrrr Olha bem o que vais falar! Não admito que "algo" tenha sofrido um acréscimo... hahahahaha ... ó raios! Como encolher as "ancas" e o bumbum??????????

3 de set de 2008

"Por favor não me analise
Não fique procurando cada ponto fraco meu.
Se ninguém resiste a uma análise profunda,
Quanto mais eu...
Ciumento, exigente, inseguro, carente
Todo cheio de marcas que a vida deixou
Vejo em cada grito de exigência
Um pedido de carência, um pedido de amor.
Amor é síntese
É uma integração de dados
Não há que tirar nem pôr
Não me corte em fatias
Ninguém consegue abraçar um pedaço
Me envolva todo em seus braços
E eu serei o perfeito amor."
Mário Quintana

Fotos.

Eis algumas fotos do casório...