10 de set de 2010

Orgulho -Blogagem coletiva sobre Sentimentos.

Orgulho? Orgulho? Como estamos em setembro, lembro aqui Olavo Bilac: "Ama com fé e orgulho a terra em que nascestes..."
Não importa o que aconteça, eu sempre direi - não há país como esse! E se ele não está como eu quero,lá vou eu levantando uma bandeira. Uso de todos os meios que me são disponíveis - falo,escrevo,vou às urnas... E sempre mantenho a esperança de dias melhores. Tenho orgulho da minha terra. Fico jararaca com a riqueza que temos e tanta gente passando fome e frio. Creio firmemente que nossos dirigentes trabalham para que a pobreza seja maior, pois que não se importam com a educação e saúde do povo. Se estão fazendo isso, nada mais correto do que gritar. Sim, eu só vou no grito, na palavra,na escrita. Já pendurei minha espada e minhas sandálias. Uso destes outros meios para alertar quem ainda tem força física, mental e pisicológica para lutar com outros meios. E repito sempre - não se deixem comprar, pois poderá chegar o dia em que nesta terra de cegos,quem tiver um olho,será rei. É isso que muitos querem- ser reis e não podemos deixar acontecer. Mas,não abandono nunca o orgulho de ser brasileira. E, pior: adoro cantar nossos hinos! São lindos! Hino Nacional, Hino da Independência, Hino da Bandeira, Hino da Marinha...
Outra coisa: nunca vi gente mais bairrista que o gaúcho! Também tenho orgulho de ser gaúcha! Não há céu mais azul do que o daqui,nem gente mais linda... ..."Céu,sol,sul, terra e cor.. onde tudo que se planta cresce e o que mais floresce é o amor.."
Acho que este orgulho desmedido pela Pátria começa neste de amar o Pampa...
"Já podeis da Pátria filhos... ver contente a mãe gentil..."
Me deram este poder. Que não tentem me tirar.

9 comentários:

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Eu gostei do seu parecer. A gente tem sim, que ter orgulho de ser brasileiro, independente das mazelas sociais. O país é rico, bonito, tem de tudo. A gente é que precisa aprender a exigir um melhor tratamento, melhores governos, que as coisas dêem mais certo. E pouco a pouco a gente chega lá, eu acredito nisso.
bom dia

Tati Pastorello disse...

Oi Leci, adoreeeeei! Nosso hinos são mesmo lindos. Repletos de poesia, melodiosos. Bom de ouvir, de cantar, mesmo que a maioria cante errado... e ops, não chame a Wanusa neste dia! kkkk
Também amo nosso país, por isso fico indignada e grito, grito e esperneio. Não quero entregar o ouro, não quero ter que sair daqui... Quero vê-lo melhor, ver nosso povo crescer. Não quero perder a esperança.
Amei seu texto. Não tenho tanto orgulho de ser carioca, talvez por que eu seja meio paulista, sei lá. Mas de ser brasileira tenho sim, mesmo triste (ou talvez, por isso triste) com os desmandos de nossos governantes.
Beijos.

Chica disse...

Gostei do teu grito de alerta que é tão necessário. Tu também és gaúcha?De onde? beijos,chica

orvalho do ceu disse...

Olá,
Muito bonito! Não sou gaúcha mas tenho ainda os Hinos de cor... Quando criança e valorizava (porque amava) os Hinos...
Moro em frente a um Colégio Municipal e eles são entoados com "orgulho"... me reporto ao tempo de criança e fico "orgulhosa" de ser brasieira.
Um grande abraço fraternos de paz.

Nilce disse...

Oi, Leci

Também tenho muito orgulho de ser brasileira e tenho muitas esperanças de melhoras para nosso país.
Gostei muito da abordagem do seu texto.
E viva os pampas! Viva o povo gaúcho! Um viva ao Meu Paraná também, que tanto amo. rsrs

Bjs no coração!

Nilce

António Rosa disse...

Leci

Gostei muito que se tivesse lembrado de Olavo Bilac. Gostei da sua voz intensa sobre a sua terra!

Abraço

António

Lúcia Soares disse...

Eita, Leci! Que nosso país seja motivo de orgulho para todos!
Estou nessa campanha com você e quem mais quiser entrar.
Por um Brasil melhor, um Brasil justo, do qual possamos nos orgulhar, enchendo o peito, entoando seus hinos.
Beijo!

Macá disse...

Leci
Adorei o seu blog sabia?
E o seu jeito de escrever também.
Assim como você, amo o meu país e tenho o maior orgulho de ser brasileira. Dizem que a gente não pode perder a fé; então vamos acreditar que um dia, tudo vai melhorar.
Ah! Essa semana estávamos conversando em casa sobre os hinos, e meu marido e eu falamos ao nosso filho que pelo menos uma vez por semana nós cantávamos o hino na escola, porisso sabemos todos. Ele, com 20 anos, falou que gostaria que na escola que estudou, isso tivesse sido obrigatório, pois também acha muito bonito. Pena que essas coisas sejam esquecidas, não é?
um beijo pra vc.

Socorro Melo disse...

Oi, Leci!

Adorei seu texto, e digo-lhe que também sinto um orgulho danado da minha terra, o Brasil. E este país, somos nós. Os governos, são apenas nossos representantes, não é por causa deles que vamos deixar de amar esta terra. Adorei esta frase: Onde tudo que se planta cresce e o que mais florece é o amor... lindo demais.

Beijos
Socorro Melo