31 de ago de 2011

Rapidinhas

Voltando a falar sobre cheiro da idade - chegamos a conclusão que a Liz, por fumar muito, vai cheirar a fumaça ou será um autentico ser humano defumado! ahahaha
-Últimos dias de frio - que maravilha sentir o calorzinho do cobertor! Tá doido quem pensa que eu vou morar fora da região sul do Brasil. Verão o ano inteiro? Num guento não!
Menina, ando meia cheia da coisa - é pão magro, margarina magra, requeijão magro, pipoca magra, leite magro. Tudo que como tem que levar ao lado a palavra mágica - magro - sou contra a palavra inglesa que usam. Apesar dos pesares prefiro a palavra nossa, magra. MAGRA. MAGRO. Aí que dor. Só eu não uso a etiqueta de magra. Sacanagem. Sacanagem duas fatias de pão magro, uma colherinha de requeijão ou margarina magra, café com leite magro, tres bolachas magras, duas colheres de qualquercoisa magra, e verdes à vontade. Eu que não gosto de verdes. Ainda bem que a minha balança não é magra, se não a dita não aguentava meu peso kkkkkkkk. Tudo que eu amo é imoral e engorda. Por isso preciso viver pesquisando o total de calorias de tudo o que eu tento comer ou penso comer.
Preciso criar um olhar magro, ou olhar de magro.

29 de ago de 2011

29 de agosto

Dia nacional de combate ao fumo - hoje, dia 29 de agosto. É fácil parar??? Não, não é. Tem gente que diz que só precisa vergonha na cara. Mentira. Quem diz assim é porque não sabe o que é ser dependente de alguma droga. Cigarro é uma droga. Para terminar com o uso é necessário um longo tratamento - longo, pq primeiro precisas te convencer que ele está te matando.... depois que te tens a certeza disto então é rápido o movimento que acaba com o vicio. Eu que o diga. Fumei desde os 18 anos. Depois de 30 anos fumando, descubro um pequeno problema nos pulmões. Para que o problema não crescesse era necessário parar de fumar. Levei, sem brincadeira nenhuma, cinco anos para me conscientizar do problema. Depois, mais dois meses de tratamento e eu parei com o cigarro. Ufa!

26 de ago de 2011

Filmes.

Menina, temos visto alguns filmes deliciosos, bons para dar gargalhadas. Nomes? Estás pedindo de mais! Esqueci de anotar... vamos ver.... um sobre um et, acho que o nome é Paul. Outro sobre uma semana de férias entre casais , o nome é algo assim entre Passe Livre ou Rédeas Soltas. O engraçado para valer, eu num lembro o nome - é sobre um construtor que quer acabar com a floresta para construir residências, acho que é Fúria dos Bichos. Estes tres divertem um bocado.
Mas, se vc é do tipo saudosista, que gosta de ver aqueles filmes que fizeram a tua adolescência, etc e tal... vem prá cá, vem.... João e eu estamos na fase de copiar filmes antigos e depois ver, com o mesmo encantamento com que vimos lá, há apenas alguns anos atrás hahahahahah!
Imagina: terça, nós vimos Django. Quarta, Django volta para matar, e ontem, vimos Django, o bastardo. São filmes lá de 1966,1969....só há 42 anos atrás! kkkkkkk
Adorei rever estes filmes. Fez lembrar a época em que para ver filme, a gente tinha que ir ao cinema - pelo menos a gente da minha vila. E, na nossa vila tinha um cinema - o Cine Tupy. A gente passava a semana pedindo dinheiro, economizando, prá ir ao Cine Tupy aos domingos...

Contei não?

Não lembro se já contei. Viu só? A idade tá pegando!! hwehehe!
Precisei visitar uma doctor. Até nem me apaixonei por ela, pois falou comigo como se eu fosse criança! Mas, não é este o caso. Deixa prá lá. Quer dizer, lá não volto! ahahaha!
Sai de lá e cheguei nas minhas meninas e me dei ao luxo de uma tarde de princesa: cortar e pintar o cabelo, arrumar pé e mão. E lá passei uma tarde divertida, ouvindo e falando as santas bobagens do dia a dia da mulherada, sabendo das novas a respeito dos meus vizinhos... Menina, acabei descobrindo que até uma gravidinha tinha na minha rua! Como é que eu nunca vi a moça????
Tomei chimarrão e mais chimarrão. Chimarrão, tinta na cabeça, tinta no pé, tinta na mão, curiosidades sobre a vizinhança, piadas, risadas. Foi uma tarde de princesa e terapia. Gostei...
Agora, olhando o quadro, vejo o que me espera qdo eu parar de trabalhar. Sabe que não é maus?

Cheiro da idade?

Dia destes precisei sentar perto do nosso advogado. E o cheiro que eu senti já havia sentido em outras pessoas da mesma idade - o famoso cheio de velho! Sim, por incrível que pareça, após certa idade nós emitidos um cheio de velho! Sacanagem!
Nas mulheres não há este cheiro, sbem porquê???? É que nós usamos perfume sempre e sempre! Os homens, na sua maioria, não usam perfume, então o cheiro da idade não fica disfarçado!
Eita cheiro danado este de velho!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Na próxima reunião, farei o impossível para sentar longe dele!

24 de ago de 2011

Fadas e duendes.

No fundo, no fundo.... sou do tipo que acredita nestas coisas lindinhas, fofinhas, como fadas e duendes. Por falar nisso, preciso ver o filme dos Smurfs. Mas não pode ser dublado!
Bom, sábado passado precisava casear umas capas de almofadas e tinha que mudar o pézinho da máquina de costura. Procurei por tudo a minha caixinha com este material. Olhei, olhei, mexi aqui, mexi ali. E nada! Falei pro João o que eu estava procurando. para o caso dele enxergar e assim me avisar. Cansei de procurar. Antes de recolher a roupa da corda, fiz uma promessa: -"São Longuinho, São Longuinho, se me ajudares a encontrar minha caixinha, dou tres gritinhos e tres pulinhos."
Recolhi a roupa. Dobrei e deixei em cima da cama, no quartinho. Depois, já coloquei ali em cima a roupa que eu iria usar para ficar lá na mãe, no domingo.
Não procurei mais. Fui fazer outras "coisitas mas". Não pensei mais no assunto.
Domingo pela manhã ao pegar a roupa para vestir, eis o que vejo, entre esta roupa e a roupa drobrada no dia anterior: a minha caixinha!!!!!!!!!!!! Claro que eu pulei e gritei....
João jura, de pé junto, que ele não tem nada a ver com a coisa!

Sandince?

Estou fazendo uma capa para garrafão de água. Uma capa feita de retalhos. Faz parte de um pedido. Vou fazer a capa para o garrafão mais um panô para colocar em uma janela que não é mais janela - foi fechada. Tudo de retalhos.
É que eu não sou nada cheia de cuidados - prá começar, linha reta prá mim não existe - é uma ilusão de ótica! Só sei que um sábado destes eu estava com uma tremenda dor de cabeça, pois quero que tudo fique lindinho! Só não sei se vou conseguir a perfeição, mas que vou tentar, vou!
Buenas, tchê... como não tenho garrafão de água, fui na "cidade" comprar uma capa para usar como modelo. A capa era tão baratinha que comprei duas - uma para olhar e outra prá desmanchar e assim melhor fazer a minha. Cheguei em casa, desmanchei uma. Achei meio estranha a capa, cheia de preguinhas! Levei o modelo inteiro para experimentar no garrafão de água que tem no escritório. Adivinhem? Advinhem?
Qual não foi minha surpresa quando a Liz diz prá mim: - isto é uma capa para botijão de gás!
Sandice? Idiotice? ahahaha....
...... ou quem sabe a gente pede é uma sande, com tomate, alface, queijo, presunto?

Cadê o vinho?

João fez um jantar prá nós, em uma das noites em que a Raquel cá esteve. Jantar leve. Pesado foi o trabalho de abrir as garrafas!
Bacalhau, vagem, pão, batatas, ovos. Jantar magro... Uma boa conversa, prá colocar os assuntos em dia. Ora conversa séria, ora besteira pura..
Um bom vinho para acompanhar. Só bom? Ótimo vinho.
Uma garrafa vazia foi "chamando" mais outra... E o João só nos olhando. Ó pobre João, foi obrigado a abrir mão do seu vinho, tão carinhosamente guardado!
Para terminar, quem sabe um cafézinho e um cálice de Grapamiel?

23 de ago de 2011

Visitas.

Hoje à tarde quero ver se faço umas visitas prás amigas blogueiras. Estou sentido falta de ler, de saber das novidades....
Acho que vou mudar o nome do meu blog.

Aprendiz

Minha mãe fazia uns bolinhos para comermos, que era uma delicia. Ela os chama de "gaiane". A Raquel veio pronta para aprender a fazer, com a orientação da vó. Aí estão as duas, às voltas com farinha, ovos, fermento, sal, água....
Entre uma risada e outra, as duas iam dando "corpo" às intenções!
Olha só aqui.... eles já prontos para pularem na frigideira!
Nesta panela estava a calda a ser preparada para o final do trabalho... E imagina quem é que cuidava da calda???? A formigona aqui, é claro!
Olha os gaianes na frigideira!
Olha eu aqui dando "banho de calda" neles, depois de fritos!
hummmmmmmmmmm! Uma delicia, com um café sem açúcar!
E aqui, o João, preparando nosso aperitivo, antes do jantar! Depois de tantos gaianes docinhos, nada como algo salgadinho!!!!!!!!!

Licença maternidade

Neste mes que estive fora, também estive, por tres dias, de licença maternidade. Isso, isso - toda vez que a Raquel vem de Curitiba, eu entro em licença maternidade, prá cheirar melhor, olhar melhor, abraçar e beijar a filhota. Claro, também sobra um tempinho para umas briguinhas ehehehe...... Descobri, nesta última licença maternidade, que a minha filhota é a própria fonte da juventude! Além da juventude própria da sua idade, mais os cuidados que ela descobre pra ser sempre jovem ... kkkk... vitaminas, cremes, tratamento para isto, tratamento para aquilo. No fundo, no fundo, meu anjinho é fã incondicional dos médicos, tanto homeopáticos como alopáticos! Considero isso muito bom, já que eu sou capaz de enfrentar uma São Silvestre antes de procurar um médico! Eu tenho medo dos médicos. Já a Raquel diz que ela "se ama", por isso ama os médicos.
Mas... falando sério: ela chegou numa terça, foi embora na mesma semana, na sexta, pela manhã. Neste dia eu fiquei doente. Senti falta dela, da sua presença, da sua agitação.... Senti falta das novidades, da sua juventude. Senti falta da sua atenção.....

22 de ago de 2011

Como o tempo...

Como o tempo passa!!!!!!!!!!!! Lembra algo assim: "o tempo passa, o tempo voa, só a poupança Bamerindus continua numa boa!" hehehe.... Já não chegava por aqui há um mês! Quase que eu desaparecia que nem o Bamerindus.... É que ando uma chata. Preciso modificar algumas coisas "ni mim". Se não modificar, acabo perdida nesta fase de transição - passar de senhora para idosa é fogo!!!!!!!!!!!!!!!!!! Pensei que fosse mais fácil, mais ameno, mais gente sorrindo à volta. Pior é que não é assim - é uma época em que é mais fácil "escorregar" num vivente cheio de chorumelas, dodóis, do que em gente cantando e sorrindo. É mais fácil receber notícias de parentes e amigos que partiram para uma nova morada do que saber de parentes e amigos que encontraram a fonte da juventude! hahahaha! Pior é qdo nos dão as notícias dos amigos e parentes que partiram com aquele ar que diz assim: o próximo pode ser vc!!!!!!!!!! Vixe!!!!!!!
Por isso eu quero uma casa na praia, prá ver e ouvir e absorver o som jovem!!!!!!!!!!!!!!!
Sai prá lá, coisa ruim! Ainda bem que a primavera esta chegando. Quem sabe assim me visto de jardim, de flores de mil cores.....